fbpx

5 ideias para investir na qualidade de vida e retenção dos seus talentos

Da Ginástica laboral à mesa de sinuca: aposto que você já viu de tudo nas startups e empresas de tecnologia. O fato é que poucas empresas descobriram os benefícios de investir em atividades fora do escritório como forma de retenção de talentos.

Alguns estudos mostram que empresas americanas chegam a perder U$ 150 bilhões de dólares por conta do estresse no trabalho. Muitas empresas conhecem bem os motivos que dão origem ao estresse e já começaram a investir em estratégias para melhorar a qualidade de vida de seus colaboradores. Afinal, prevenir é sempre melhor do que remediar. 

Uma dessas estratégias tem sido promover eventos sociais fora do ambiente de trabalho. Isso pode ajudar os colaboradores a se “desconectarem” de seus problemas do dia a dia, ganharem “fôlego” e quebrarem sua rotina. Inclusive, uma das recomendações mais comuns para evitar o Burnout, uma síndrome do esgotamento mental, é estimular as atividades de lazer com amigos e familiares e fazer atividades que fujam da rotina diária.

Se você busca melhorar a qualidade de vida das pessoas da sua equipe para que elas se sintam melhor, mais produtivas e sejam sua empresa consiga reter esses talentos, aqui vão 5 ideias:

1. Recepção calorosa desde o início 

O jargão “A primeira impressão é a que fica” é verdadeiro. Basta lembrar da última vez que você retornou a um restaurante ou uma loja onde não foi bem atendido na primeira visita. Da mesma forma, a recepção que você dá ao seu novo talento fará toda a diferença na vida dele. Você sabia que as empresas perdem 40% dos funcionários durante os três primeiros meses de trabalho? Uma boa estratégia para investir na retenção de talentos é pensar na chegada desse talento, organizar uma recepção calorosa e tornar sua integração ao novo ambiente de trabalho e à nova cidade processos mais fáceis e sem estresse. Essas medidas serão decisivas para reter esse talento nos primeiros meses e depois garantir sua permanência no longo prazo. 

2. Invista em treinamentos fora do escritório 

Saia da rotina. Leve sua equipe para um treinamento fora do escritório de vez em quando. Além de surpreendê-los você cria a oportunidade perfeita para fortalecer o relacionamento entre eles, gerando resultados positivos no engajamento. Algumas ideias de treinamentos interessantes para equipes em desenvolvimento são Team Building, meetups, oficinas de design thinking e cozinha criativa. Aqui é legal escolher um local amigável e aconchegante para realizar essas atividades. Ajudar a fortalecer propósitos e criar relacionamentos saudáveis entre colaboradores é uma ótima estratégia de fidelização.

3. Incentive a socialização do seu talento

Atividades que não têm relação direta com o trabalho também podem se tornar seus aliados. Churrascos ou atividades culinárias são interessantes para bate-papos e encontros casuais. Jogos de futebol, vôlei e basquete podem ajudar a promover soft skills como comunicação e colaboração. Aqui é legal conhecer um pouco sobre o que essas pessoas gostam de fazer fora do trabalho e oferecer algum tipo de benefício que estimule essas interações ou atividades físicas. 

4. Seja pet friendly 

Uma pesquisa da Virginia Commonwealth University realizada nos Estados Unidos concluiu que os pets podem reduzir consideravelmente o estresse no trabalho. Além do Google, muitas startups e empresas de tecnologia já aderiram à iniciativa. Uma dica é começar estabelecendo um dia específico para estas visitas e ir adaptando a estrutura e a cultura da empresa aos poucos. Crie um manual com pequenas regras de boa convivência e invista em mesas com pequenos ganchos, cerquinhas e outras adaptações na mobília. Tente registrar os resultados de produtividade e felicidade da equipe nos feedbacks para ir escalando sua estratégia.

Conheça hospedagens pet-friendly em Florianópolis

5. Crie uma gestão baseada na confiança

Todos os esforços para reter seu talento podem ser perdidos se os gestores não conquistarem a confiança das equipes. Vale recrutar líderes que já possuem soft skills como comunicação eficaz, resiliência e empatia ou investir em treinamentos que ajudem-os a desenvolver estas habilidades comportamentais. Promova encontros periódicos entre grupos de liderança para que estes gestores também possam trocar experiências e encontrar soluções em conjunto. 

Procurando o local ideal para promover um encontro de líderes? Conheça a Coolmeia!



Translate »