fbpx

5 estratégias de marketing para o seu Employee Experience

Pensando nas suas estratégias de Employee Experience para 2020? Atrair e reter talentos é uma arte que está cada vez mais sofisticada. O que você talvez ainda não saiba é que o marketing tem muito a contribuir para as ações de recrutamento, seleção e retenção de talentos.

A Ahgora, empresa de soluções em tecnologia para RH, fez uma pesquisa recente sobre ações de Employee Experience com mais de 350 respostas de diversos segmentos e mostrou os impactos que o marketing traz para a área de Recursos Humanos (RH) das empresas.

As ações realizadas pelo time de marketing em conjunto com o RH da Ahgora foram compartilhadas durante o RD Summit 2019 pela gerente de Marketing da Ahgora, Milena Alvarez. Segundo Milena, estas estratégias trouxeram resultados consistentes para:

  • Marca e imagem institucional
  • Resultados de negócio
  • Senso de pertencimento
  • Qualidade de vida no trabalho
  • Criação de vínculo entre colaborador e empresa
  • Experiência do cliente
  • Sustentabilidade

Mas afinal, que estratégias eram estas? Confira neste post!

1) Use a assessoria de imprensa do marketing a favor da sua marca empregadora

Ser referência na área de RH é uma forma de levar o diferencial competitivo para o mercado. Mostre a sua cultura para quem está buscando novas oportunidades e ao mesmo tempo eleva o RH como um representante e porta-voz da empresa. Boas práticas, diferenciais competitivos, gestão de colaboradores, benefícios flexíveis, políticas de bem-estar, entre outros chamam a atenção dos veículos de comunicação.

2) Inclua ações de RH no calendário de Redes sociais da sua empresa

Ter participação ativa na criação do calendário de divulgação das redes sociais da sua empresa pode ajudar muito sua marca empregadora. Posts relacionados à prêmios e tipos diversos de reconhecimento, boas práticas e ações de Employee Experience são boas ideias. Você ainda pode criar posts relacionados à vagas  específicas e com níveis de exigência mais altos e explorar isso nas mídias pagas – algumas vagas são mais difíceis e podem ser patrocinadas no Linkedin, por exemplo.

3) Participe de eventos externos para ter ideias para ações e eventos internos

Ter um profissional com expertise em eventos que trabalhe em conjunto com o RH é muito interessante para gerar insights valiosos para ações e eventos internos. Outra dica é criar um comitê de eventos dentro da sua empresa para entender qual é a expectativa dos gerentes e tomadores de decisão sobre os eventos, além de tornar a área mais plural e inclusiva. Vale promover pesquisas pós-evento para mensurar os pontos positivos e negativos ajuda a melhorar a experiência dos colaboradores dos eventos.

4) Gere talentos, como o marketing gera leads

Quando falamos em marketing digital, estamos acostumados a definir as personas para direcionar a comunicação e atingir nosso público-alvo de forma mais assertiva. No RH você também pode usar esta estratégia para alcançar seus talentos. Crie um processo seletivo estruturado com base nas suas personas (profissionais que quer recrutar).

Tente entender as diferentes personalidades destes talentos, referências de leitura, onde elas se informam, o que essas pessoas fazem nas horas vagas. Desta forma você vai conseguir abordar melhor estes profissionais e ter resultados mais consistentes.

Durante o processo seletivo vale também apresentar de forma clara todas as etapas (a jornada) ao candidato. Isso ajuda a alinhar expectativas e fazer as pessoas se sentir mais seguras. Afinal, ninguém merece ficar ‘a ver navios’ sem uma resposta ou sem saber se aquela vaga ‘rolou ou não’, não é mesmo? Lembre-se também de fechar este ciclo enviando uma pesquisa sobre o que a pessoa achou do processo.

5) Invista no onboarding dos novos colaboradores

Uma vez que o profissional é contratado, a principal missão do RH é mantê-lo engajado e produtivo na empresa. Uma estratégia que ajuda neste sentido é criar o desenho da jornada do seu colaborador, o onboarding dele. Assim como um novo cliente, o novo colaborador precisa ser impactado de forma positiva nas primeiras semanas para aumentar suas chances de fidelização.

Desde a agenda de integração até o desenho da experiência de cada colaborador por área são práticas que ajudam a visualizar onde precisamos melhorar e a colocar todo mundo na “na mesma página”.

Fazer pesquisas durante os três primeiros meses e depois investir em um fluxo de automação desse onboarding (fortalecendo a comunicação entre as áreas, por exemplo) são práticas interessantes de serem adotadas.

Outras dicas:

  • Tenha Embaixadores da empresa
  • Tenha uma causa (ou várias)
  • Tenha o foco do colaborador

Leia Mais:

3 passos para reter o talento desde o primeiro dia

Como aumentar o Retorno sobre Engajamento dos seus colaboradores

5 ideias para investir na qualidade de vida e retenção dos seus talentos



Translate »